Oeste da Bússola: Batan

Chegou o Borel!
29 de setembro de 2012
Tatoo, skate, game e muita ação na vida
3 de outubro de 2012
Exibir Tudo

Oeste da Bússola: Batan

Nesse primeiro estúdio de criação da Agência de Redes para Juventude ninguém chegou no Batan de bobeira! E mesmo quem chegasse, seria logo surpreendido pelos gritos de Larissa de Souza – também conhecida como Lady -, que não poderiam sintetizar melhor os desejos do pessoal: “Ô IBOPE!”. O Batan quer estar presente na narrativa da cidade do Rio de Janeiro!

O dia começou com a apresentação. Um objeto de cada serviu para cada um falar um pouco de si e montar seu perfil no "Batanbook".

O dispositivo da semana foi trabalhar ideia, desejo e bússola. O desejo do jovem de significar sua vida e sua projeção para o mundo é o que vai dar impulso para a criação de sua ideia. A bússola é o objeto que vai nos guiar neste percurso.

O estúdio inteiro girou entorno dessas noções e foram várias as atividades que visavam estimular cada jovem. Reunindo impressões minhas e de toda  equipe (composta pelos mediadores Rafaelle de Castro e Sergio Telles; os universitários Hanier Ferrer, Diana Vieira, Yago Mariano e Thiago Marcante e a produtora local Rebecca Vieira), e dos jovens, seleciono dois momentos do estúdio para mostrar o quanto o dia de hoje rendeu.

Os jovens discutiram em grupos as noções de ideia e desejo, previamente levantadas. Parte da turma ficou reunida em grupos estáticos, outra parte criou trajetos no espaço enquanto pensava sobre ideia e desejo. Enquanto esta atividade acontecia, Sérgio chamou cada membro da equipe e nos levou para área externa da UPP.  Deixamos os jovens sozinhos, conduzindo a dinâmica e as discussões da maneira deles.

O resultado foi ótimo: todos continuaram na atividade e muito empolgados com suas discussões. Larissa não imaginava que teria tantas ideias andando; Raíssa ao ir de grupo em grupo agregou (e rejeitou) ideias ao seu início de projeto.

Dessa dinâmica retiramos a conclusão: as ideias precisam circular, tanto no espaço quanto entre as pessoas. Nunca se sabe o que podemos encontrar pelo caminho. A ideia é ação.

Logo após, a equipe reuniu todos os jovens numa roda para que tudo o que tinha sido falado até então de ideia e desejo ficasse cravado na mente de todos. Fizemos um pacto: vamos chegar até o fim, até a banca, todos juntos!  Assista ao vídeo abaixo e veja como foi esse momento.

Foi assim nosso primeiro dia de trabalho. Nossa bússola está feita e conduziremos nossas vidas e território a partir de nossos desejos e ações.

 

Pequenos grupos de conversa e uma grande reunião conduzida por referências trazidas pela equipe foi a maneira de instigar noções de ideia e desejo nos jovens do Batan!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *