Nova equipe, novas ideias

Inscrições abertas para a equipe da Agência 2014
30 de Janeiro de 2014
Agência Chegando Junto!
30 de Abril de 2014
Exibir Tudo

Nova equipe, novas ideias

Com a chegada de 2014, a Agência de Redes para Juventude se prepara para o início de um novo ciclo e suas missões, como a chegada aos bairros de Pavuna e Santa Cruz e mudanças na metodologia. Para isso, durante o mês de março aconteceu o processo seletivo para a nova equipe de mediadores, produtores locais, tutores e universitários, a galera que trabalha na ponta criando ambientes para criação dos jovens.

O seminário de seleção teve mais de 500 inscritos e reuniu pessoas de todo o Brasil, num debate sobre a potência dos territórios e da juventude que vive neles, com o objetivo que sempre foi o principal da Agência: criar um novo rumo a narrativa do jovem e da sua cidade. Durante dois dias, os candidatos mergulharam em palestras com a equipe de coordenação da Agência e parceiros, como Cleia Silveira (FASE); Rodrigo Abel e Alice Peçanha (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social), Maria Antônia (Movimento Ação e Inovação Social – MAIS) e Paul Heritage (People’s Palace Projects) .

Lucas Alves e Adany Lima falam sobre suas experiência na criação de projetos.

Os candidatos puderam ouvir também a experiência dos jovens que criaram seus projetos na Agência e que viram nesse experiência um caminho que os levou a aumentar suas redes na cidade. Fernando Coock (Mosaico/Batan), Adany Lima (Movimentos/Cidade de Deus), Amanda Gomes (Costureiras da Paz/Providência), Michel Silva (Fala Roça/Rocinha), Lucas Alves (Festival Favela em Dança/Cantagalo), Myke Machado (Império/Complexo do Alemão), Raquel Spinelli (Providenciando a Favor da Vida/Providência) e Fred Castilho (Boeart/Borel) mostraram como suas ideias impactam seus territórios e revelam novas soluções e trânsitos pela cidade.

Depois desse primeiro momento, os candidatos passaram por entrevistas e chegaram na fase final, em puderam experienciar um pouco mais o ritmo e os desafios da metodologia. Os candidatos às vagas de universitário tiveram que pensar uma maneira de potencializar a ideia fictícia de Weskley, jovem quer abrir uma sex shop na Rocinha. Os futuros mediadores planejaram um estúdio criação todo voltado para a cultura evangélica – um movimento muito forte em muitas comunidades do Rio de Janeiro – para pensar nela como uma rede para os projetos.

Os candidatos às vagas de mediador, tutor e universitário no segundo sábado de seleção, no Centro Municipal de Artes Calouste Gulbenkian

Após duas semanas de seleção, foram escolhidas pessoas das mais diversas áreas de atuação e regiões do estado do Rio de Janeiro. A partir das primeiras formações, esse grupo vem se aprofundando no  processo metodológico que será utilizado este ano para guiar o jovem na expressão e concretização da sua ideia.

A grande missão que esta equipe está realizando agora é a mobilização de jovens para participar da Agência. Você confere toda essa movimentação em breve aqui no blog.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *